PRA SUA EMPRESA        ESTABELECIMENTO        PRA VOCÊ        VENDA VR        SITE VR        CONTRATE

btn
vr_ginastica_laboral_basico
vr_ginastica_laboral_basico
fade

Entenda o que é ginástica laboral e os benefícios que ela pode trazer para sua empresa

O termo ginástica laboral é bastante conhecido para designar exercícios físicos realizados no ambiente de trabalho. Mas nem todos sabem exatamente o que é a ginástica laboral e quais são os tipos de ginástica laboral que os profissionais de recursos humanos precisam conhecer.

Em seu livro “Ginástica Laboral: atividade física no local de trabalho”, a autora Valquíria de Lima explica: “A ginástica laboral pode ser conceituada como um programa de exercícios elaborados com base na atividade profissional, que visa preparar e compensar as estruturas musculares mais utilizadas no trabalho, com foco na prevenção e promoção de saúde, estimulando uma rotina mais ativa, melhora da postura e da percepção corporal”.

Além desta definição básica, a autora continua: “Também é um meio de valorizar e incentivar a prática de exercícios e atividades físicas como instrumento de promoção da saúde e de melhora do desempenho profissional”, conclui.

Você sabe quais são os tipos de ginástica laboral?

Existem algumas técnicas diferentes utilizadas pelos profissionais que planejam o tipo de ginástica laboral mais adequada para cada empresa, de acordo com o tipo de atividade que seus colaboradores exercem. Podemos citar algumas das modalidades mais utilizadas:

  • Preparatória: esta prática deve ser aplicada no início das atividades dos colaboradores para, como o nome sugere, preparar o corpo para as atividades do dia.
  • compensatória: também chamada de “ginástica de pausa”, porque sugere que o trabalhador faça interrupções durante a sua jornada para executar sequências de exercícios de cerca de 10 minutos. Podem ser usados exercícios respiratórios, de correção da postura, de alongamento e de flexibilidade, diminuindo as tensões musculares e articulatórias sobrecarregadas durante a execução de tarefas repetitivas.
  • relaxamento: aplicado no final do expediente, pode se utilizar de exercícios de respiração, alongamento, automassagem a até meditação. Se bem aplicada, esta técnica faz com que os colaboradores voltem para casa menos estressados e com mais disposição para aproveitar melhor os momentos com a família.
  • corretiva: muito utilizada para evitar e tratar lesões causadas pelo esforço repetitivo de alguns músculos e articulações. São exercícios que devem ser feitos algumas vezes por semana para fortalecer e compensar a musculatura sobrecarregada.

Além dos benefícios fisiológicos, que melhoram a qualidade de vida e de trabalho dos colaboradores, a ginástica laboral, quando bem administrada, funciona também como momento de descontração e socialização das equipes. Muitas empresas que instituem esta prática notam a diminuição das faltas em seus quadros e até mesmo a diminuição dos casos de pedido de demissão, uma vez que um de seus benefícios indiretos acaba sendo o aumento da motivação dos colaboradores.

A implementação de um programa de ginástica laboral deve ser tratado de maneira multidisciplinar, envolvendo todas as áreas da empresa, uma vez que os colaboradores terão alterações em seus horários e poderão, eventualmente, se ausentar de suas posições de trabalho em alguns momentos para exercer a prática.

É bom lembrar que, como todo exercício físico, deve ter seu planejamento e acompanhamento feitos por profissionais qualificados.

Além de ter uma equipe mais saudável e disposta com os exercícios da ginástica laboral, que tal trabalhar também a motivação, oferecendo aos seus colaboradores os melhores benefícios do mercado? Clique aqui e faça uma simulação sem compromisso, e, se quiser, contrate os serviços agora mesmo.

Receba o conteúdo em primeira mão:

      Cialis 20 Mg Cialis Viagra Satış Cialis 5 mg Viagra sipariş elektronik sigara