PRA SUA EMPRESA        ESTABELECIMENTO        PRA VOCÊ        VENDA VR        SITE VR        CONTRATE

novos_habitos_consumo_foradacaixa
novos_habitos_consumo_foradacaixa
fade

Como se adaptar aos novos hábitos de consumo

Em nenhum outro momento aconteceram tantas mudanças drásticas em tão pouco tempo. O consumidor foi obrigado a mudar seus hábitos de consumo. Assim, os donos de estabelecimentos comerciais tiveram que se adaptar rapidamente ao novo cenário para tentar manter um faturamento mínimo que sustente o negócio. E por mais que todos esperem que a situação geral melhore em breve, algumas das mudanças vieram para ficar. Fique de olho nas lições que aprendemos:

1 – Delivery

Até algum tempo atrás, muitos restaurantes optavam por não trabalhar com sistema de entregas. Neste novo cenário esta opção é inviável. Portanto a melhoria constante do seu sistema de pedidos pela internet ou por telefone é essencial. Pesquisas e testes de novas embalagens, que possibilitam que a comida chegue com mais qualidade na casa do cliente, também devem ser atividades constantes.

2 – Novas tecnologias

Assim como o hábito de consumo mudou, a maneira de se comunicar com os clientes também deve evoluir. Investimentos na área de marketing digital passam a ser ainda mais vitais. E, como nem todo bar ou restaurante pode se dar ao luxo de contratar um profissional especializado para a função, conhecimentos básicos do assunto passam a ser fundamentais para o gestor de pequenos negócios.

3 – Gestão mais atenta

A queda repentina de faturamento obrigou muitos empresários a olhar com mais atenção aos números do negócio. Trata-se de um hábito muito saudável e que deve ser mantido mesmo depois de passado este momento crítico. Um maior controle dos gastos pode ajudar o estabelecimento a sofrer menos em futuras crises e ser mais lucrativo em períodos favoráveis da economia.

4 – Atendimento presencial

Mesmo com a volta dos clientes aos estabelecimentos, está claro que boa parte da população vai continuar prestando atenção nos assuntos relacionados à higiene. Hábitos criados ou reforçados durante a pandemia, como os cuidados com a ventilação dos ambientes e a distribuição de álcool gel nas mesas devem seguir importando bastante para os clientes.

5 – Promoções

Os economistas acreditam que levará algum tempo até a economia voltar ao patamar pré-pandemia. Isso significa clientes com menos dinheiro no bolso e mais atentos aos gastos com alimentação fora de casa. Por isso, criar pratos e opções mais em conta para este momento, contando com ingredientes mais baratos e preparos mais simples, continua sendo uma ótima pedida.

Receba o conteúdo em primeira mão: