Toda empresa tem o objetivo de gerar resultados cada vez melhores. Na área de restaurantes, o desafio está em aumentar a margem de lucro sem prejudicar a competitividade no mercado. Afinal, aumentar os preços das refeições pode afastar até os clientes mais assíduos.

Existem diversas alternativas para conseguir uma lucratividade melhor. Neste artigo, vamos falar sobre algumas delas. Você vai aprender como calcular a sua margem de lucro, quais são os fatores que precisa observar com mais atenção e como fazer para melhorar os resultados financeiros do seu negócio. Confira!

Como calcular a margem de lucro de um restaurante?

A margem de lucro é um valor simples de ser entendido, mas um pouco mais complicado de ser obtido com clareza. Resumidamente, o lucro é a diferença entre os valores que entram e os valores que saem do caixa da empresa. Mas, na prática, é preciso ter muito cuidado ao construir esses valores.

O que sai, são as contas que precisam ser pagas — como aluguel, energia, salários dos funcionários, compra de ingredientes para as receitas e inúmeros outros itens. Já o que entra são as vendas realizadas, aportes e rendimentos de investimentos. O detalhe está em observar se tudo foi devidamente considerado para que nenhuma divergência seja gerada.

Quais fatores impactam negativamente os lucros?

Antes de pensar em aumentar a margem de lucro, é importante entender como ela está sendo construída e quais são os fatores que podem afetá-la. Listamos os mais frequentes logo abaixo.

Não cobrar por alguns detalhes

Alguns custos são tão pequenos que acabam passando despercebidos pelos donos de restaurantes. O gelo e o limão nas bebidas, o tempero na salada e até mesmo o cafezinho após o almoço, quando somados, geram um custo mais elevado.

Não é preciso, — nem é recomendado —, cobrar por esses itens diretamente do consumidor, mas é fundamental que eles sejam considerados na composição do preço que será cobrado pelas refeições.

Contratar uma equipe maior que o necessário

Todo restaurante precisa de uma equipe que suporte o negócio. São cozinheiros, ajudantes, garçons, caixas e pessoal administrativo, todos com o foco de prestar serviços de qualidade para os clientes. O problema é quando a quantidade de colaboradores é maior do que a realmente necessária para tocar a rotina.

Avaliando sua folha de pagamento, você pode encontrar setores que estão com pessoas em excesso, gerando custos trabalhistas desnecessários e prejudicando o lucro da empresa. Equipes mais enxutas podem ser mais produtivas e contar com benefícios mais vantajosos por parte do restaurante.

Ter um alto índice de desperdício

O desperdício de alimentos é um problema muito grave, que pode ter sua origem no setor de compras ou na própria cozinha. Funcionários mal treinados deixam de aproveitar melhor os ingredientes ou não tomam os devidos cuidados com o armazenamento e eles acabam perdendo a validade.

Outro ponto que pode interferir é a falta de entrosamento da cozinha com o setor de compras. Uma comunicação mais fluida evita que os ingredientes sejam comprados na quantidade errada, ou que possam ser substituídos por outros mais em conta.

Não gerenciar o estoque adequadamente

A falta de uma gestão eficaz do estoque gera desperdícios e prejuízos para o negócio. Isso fica mais evidente com o uso de ingredientes mais novos antes dos mais antigos e com a compra de itens que ainda não estavam acabando. Muitos alimentos estragam, e a empresa paga por eles da mesma forma.

Não explorar as oportunidades de vender melhor

A margem de lucro também é afetada pela redução nas vendas, mas existem diversas maneiras de criar oportunidades, aumentando o volume de entradas. Alguns exemplos comuns são as promoções e as vendas do tipo upsell e cross sell — quando o cliente leva um produto relacionado ao que comprou, mas que não estavam em seus planos iniciais.

Como aumentar a margem de lucro do restaurante?

Para aumentar a margem de lucro do seu restaurante, o primeiro passo é reduzir o impacto dos problemas listados acima. Além disso, é importante realizar algumas ações que reduzam os custos e aumentem as receitas, como estas a seguir.

Reduza os custos

A redução de custos em um restaurante pode ser feita em inúmeros pontos. Os principais são:

  • reduzir a quantidade de funcionários;
  • negociar melhor os preços junto aos fornecedores;
  • adaptar o cardápio aos alimentos de cada época;
  • implementar um política de redução de desperdícios;
  • optar por ingredientes mais baratos na maior parte das receitas.

Aumente a percepção de valor

O preço que o cliente paga é diferente do valor que ele atribui ao que está comprando. Um mesmo pastel que custa R$ 2,00 na feira pode ser vendido em uma loja de região nobre por R$ 5,00. A maior diferença está na forma como os clientes enxergam aquele pastel. Uma boa dica é investir na melhoria da experiência das pessoas no restaurante.

Promova ações para atrair novos clientes

Mais clientes é sinal de aumento no faturamento da empresa. Por isso, é muito importante investir em ações que atraia novos consumidores. Aproveite ocasiões especiais, como dia dos namorados, e crie uma promoção especial. Faça com que as pessoas tenham vontade de conhecer seu restaurante e capriche no atendimento. 

Fidelize sua base de clientes atual

Atrair mais clientes é apenas o primeiro passo, se nada for feito para fidelizá-los, a sua base nunca crescerá. Por isso, mantenha sua equipe bem treinada e reforce a importância do atendimento de excelência. Trate bem seus clientes e faça com que eles queiram voltar sempre e ainda indicar seu restaurante para os amigos e familiares.

Aumentar a margem de lucro de qualquer negócio requer muita dedicação tanto do empresário quanto da sua equipe. No setor alimentício é possível encontrar muitos pontos de redução dos custos e diversas oportunidades de aprimorar a experiência dos clientes. Seguindo as dicas deste artigo, você conseguirá resultados excelentes para o seu estabelecimento.

Se você gostou deste conteúdo e quer saber mais sobre práticas que ajudem a melhorar a lucratividade do seu restaurante, aproveite para conferir como o vale-restaurante ajuda a vender mais!