PRA SUA EMPRESA        ESTABELECIMENTO        PRA VOCÊ        VENDA VR        SITE VR        CONTRATE

profissional de RH analisando documento e fazendo triagem de currículos
profissional de RH analisando documento e fazendo triagem de currículos
fade

Descubra como fazer uma boa triagem de currículos e garanta os melhores candidatos para sua empresa

Está à procura de novos talentos para sua empresa? Então, que tal garantir algumas dicas para tornar a triagem de currículos mais eficiente? Considerada por muitos uma das etapas mais complexas do processo de seleção, a análise de currículos é fundamental para a escolha do candidato ideal.

Pensando nesse assunto, a equipe do blog da VR Benefícios desenvolveu este conteúdo com mais detalhes sobre o processo, incluindo dicas para torná-lo mais prático. Confira a seguir e aproveite!

O que é triagem de currículos?

A triagem de currículos nada mais é que uma etapa do processo de recrutamento e seleção feito pelo setor de Recursos Humanos de uma empresa. Por meio dela, os profissionais de RH verificam e filtram todos os currículos enviados pelos interessados na vaga.

Com a triagem, os recrutadores analisam os currículos cautelosamente para escolher os candidatos com base em educação, experiência e habilidade. Ela pode ser feita manualmente ou com a ajuda da tecnologia, por meio de programas baseados em inteligência artificial.

Qual é a importância da triagem de currículo?

Sabendo que o processo de contratação é bastante delicado para a empresa, fazer uma triagem é uma boa estratégia de avaliação de candidatos. Dessa forma, a organização poupa tempo e toma decisões assertivas referentes ao aumento no quadro de funcionários. 

Além disso, a triagem de currículos pode ser considerada a primeira fase eliminatória do processo seletivo. Afinal, nesse momento, os profissionais de RH verificam quem não se adequa aos requisitos exigidos para a vaga. 

Quais critérios utilizar em uma triagem de currículo?

Em um processo de triagem de currículos, é importante utilizar alguns critérios para analisar as informações e, consequentemente, filtrar os candidatos. Confira alguns exemplos abaixo.

Escolaridade

A escolaridade é o primeiro critério utilizado para conferir as informações na triagem. Nesse momento, os recrutadores devem verificar se a formação do candidato se adequa à vaga e se ele tem as qualificações mínimas necessárias para o cargo.

Experiência profissional

O segundo critério é a experiência profissional — bastante importante para cargos que exigem determinado tempo de atuação. Com esse critério, os recrutadores podem conhecer a trajetória do candidato, tendo uma visão mais detalhada dos atributos. 

Perfil comportamental  

Também é possível utilizar o perfil comportamental como um critério na hora de realizar a triagem de currículos, apesar dessa informação normalmente não estar detalhada no documento. Para isso, verifique se o candidato pontuou alguma soft skill e leve isso em consideração antes de selecioná-lo. 

profissional de rh analisando documentos me um escritório enquanto faz a triagem de currículos

5 dicas para fazer uma triagem de currículo eficiente

Além de separar alguns critérios para filtrar os candidatos, é possível investir em dicas na hora de fazer uma triagem de currículos. Assim, você torna o processo mais fácil e eficiente. Veja nossas sugestões!

1. Identifique as necessidades da empresa

Antes de começar a triagem, é importante identificar as necessidades da empresa e da vaga em questão. Dessa forma, você tem mais clareza na hora de analisar os documentos e pode selecionar as opções que mais se alinham à organização.

2. Liste os requisitos 

Listar os requisitos da vaga também é uma excelente alternativa para tornar a triagem mais eficiente. Coloque no papel quais são a escolaridade, a experiência, as capacitações e as particularidades que o cargo exige.

Com isso, fica mais fácil distinguir candidatos que não se encaixam na vaga ou não possuem as atribuições necessárias. Você pode separar os currículos em duas pastas: “adequado” e “não adequado”. 

3. Crie o perfil de candidato ideal

Outra dica que contribui muito para o processo é criar um perfil de candidato ideal. Esse personagem deve contar com todas as características, habilidades, formação, experiências e perfil comportamental desejado para a vaga.

Dessa forma, é possível utilizá-lo como um gabarito na hora de filtrar e analisar os currículos. Mesmo que o candidato perfeito não apareça, fica mais simples escolher entre boas opções. 

4. Dê preferência a currículos claros e objetivos

Na hora de selecionar os currículos, uma boa alternativa é dar preferência aos mais objetivos. O indicado é que um currículo tenha, no máximo, duas páginas. Então, use isso como um critério. 

Além de atrasarem o processo,  documentos extensos, com informações irrelevantes, tendem a esconder requisitos não atendidos. Por isso, priorize modelos claros e bem estruturados.

5. Use a tecnologia ao seu favor

Atualmente, existem diferentes softwares desenvolvidos para auxiliar na seleção e no recrutamento de profissionais. Tendo em vista que a triagem de currículos pode ser um pouco cansativa, é possível contar com a ajuda desses programas na hora de realizá-la.

De acordo com artigo publicado pela Ideal, companhia que oferece suporte em inteligência artificial para recrutamento, ao adotar a inteligência artificial, a empresa pode diminuir em até 35% os erros na admissão. Com isso, é possível tornar o processo mais assertivo e prático.  

Blog VR Benefícios: conte conosco! 

Gostou do conteúdo e já sabe como fazer uma triagem de currículos eficaz para sua empresa? Então, aproveite o tempo livre para navegar pelo blog da VR Benefícios e garantir mais dicas para o seu dia a dia no mundo corporativo.

Se quiser, conheça todas as opções de benefícios oferecidos pela VR. Entre elas, temos os clássicos produtos PAT: VR Refeição e VR Alimentação, além de opções diferenciadas, como VR Cultural, VR Auto e VR Boas Festas. Confira e aproveite!

Receba o conteúdo em primeira mão: