Atualmente, é comum encontrarmos estabelecimentos preparados para aceitar diferentes formas de pagamento; dinheiro, crédito, débito e até vale-refeição.

As inúmeras soluções de maquininha de cartão existentes no mercado, bem como sua facilidade de acesso, permitem que o comércio aumente sua operação no dia a dia.

Prático, rápido e seguro, o pagamento por meio de cartão é responsável pela maioria das transações comerciais realizadas nos dias de hoje. E essa realidade também engloba o mercado de benefícios, como é o caso do vale refeição e alimentação.

Nesse setor, os cartões magnéticos também trouxeram uma verdadeira revolução e substituíram a entrega de cestas básicas e pagamentos com tíquetes de papel.

Esse novo modelo permite que os beneficiados realizem suas compras nos estabelecimentos de sua confiança, por exemplo.

Neste artigo, mostraremos quais as melhores soluções de maquininhas de cartão que aceitam o vale refeição. Entenda ainda a importância de incluir esse formato de pagamento em seu estabelecimento. Confira!

Por que aceitar o benefício em seu estabelecimento?

Ainda é comum encontrarmos muitos estabelecimentos que optam por não aceitar o citado benefícios como forma de pagamento vigente.

Contudo, adotar essa possibilidade é muito interessante para o estabelecimento. Estamos falando de aumento nas vendas e na rentabilidade.

Espaços como bares, restaurantes e lanchonetes, em especial nas redondezas de empresas, escolas e universidades, costumam atingir ganhos ainda maiores quando incluem essa forma de pagamento em seu dia a dia.

Uma pesquisa realizada pela Fundação Instituto de Administração (FIA) aponta que as refeições vendidas com o uso do benefício representam um número significativo para estabelecimentos da área alimentícia, chegando ao índice de até 60% da receita de um restaurante.

Como habilitar esse tipo de serviço em sua maquininha de cartão?

Antes de tudo, é preciso que sua empresa tenha uma maquininha habilitada a realizar transações com vale-refeição.

Em seguida, é importante pesquisar taxas, valores de mensalidade e/ou anuidade para entender quais as bandeiras de benefícios estão de acordo com a projeção financeira do seu negócio.

Ao contrário do que muitos afirmam, não é necessário aderir ao PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador) ou a qualquer outro programa do Governo Federal voltado à área de alimentação.

Hoje, todas as empresas podem adotar essa forma de pagamento firmando contratos diretamente com as operadoras desse tipo de serviço.

É possível ainda que os espaços optem por aceitar diversas bandeiras de benefício, não restringindo sua operação a uma única empresa.

Como são as tarifas cobradas pelas operadoras de benefícios?

Em relação às cobranças, as operadoras de benefícios possuem diferentes taxas cobradas por transação. No geral, esses valores costumam ser similares aos cobrados pelas empresas de crédito e débito.

A porcentagem em cada transação costuma variar entre 6% a 13%, variando de acordo com a empresa prestadora e o tipo de serviço contratado.

Existem operadoras de benefícios que, além dos valores por transação, também cobram uma tarifa de manutenção fixa por meio de anuidade ou mensalidade. Enquanto outras isentam as empresas desse tipo de cobrança.

Todos esses detalhes devem ser avaliados no momento da adesão ao serviço, ficando a cargo dos estabelecimentos contratantes analisar a viabilidade de cada contrato.

Conforme dissemos, aceitar o vale refeição pode resultar em mais dinheiro no caixa do estabelecimento. Isso se explica em função desse benefício ser cada vez mais oferecido pelas empresas. Sendo assim, os consumidores vão procurar estabelecimentos que aceite o vale.

Quais as opções disponíveis no mercado?

Atualmente, o setor de benefícios conta com inúmeras maquininhas de cartão habilitadas a aceitar tanto os formatos de voucher quanto pagamentos por meio de cartões de crédito e débito.

Confira a seguir algumas das principais empresas que já dispõem desse serviço:

Cielo

A Cielo se posiciona como uma das maiores e mais tradicionais empresas do setor de pagamentos por meio de cartões.

Hoje, a Cielo possui uma ampla presença em estabelecimentos comerciais brasileiros dos mais variados segmentos, incluindo o de alimentação.

A marca dispõe de parcerias com diversas marcas de cartão e até mesmo operadoras de benefícios. Isso garante à Cielo uma posição sólida e de grande penetração no mercado.

Clientes Cielo precisam ter um CNPJ inscrito na área alimentícia para aceitar o benefício em seu estabelecimento. Também é necessário escolher as bandeiras desejadas e se cadastrar junto às empresas.

Rede

A Rede, também conhecida como Redecard, é uma marca pertencente ao grupo Itaú. Presente em grande parte dos estabelecimentos comerciais brasileiros, é concorrente direta da Cielo no mercado de pagamentos.

Sua principal vantagem é que a Rede dispõe de parcerias com um grande número de operadoras de cartão, como Mastercard, Amex, Diners, Elo, Visa, além de atuar em conjunto com diversas empresas do segmento de benefícios.

No caso da Rede, para quem deseja aceitar o benefício de vale refeição, é necessário entrar em contato diretamente com as operadoras e negociar as taxas cobradas.

Pagseguro

Pertencente ao grupo UOL, a Pagseguro figura como uma das grandes prestadoras de serviço de pagamento.

Além de proporcionar a seus contratantes a possibilidade de aceitar formatos como crédito e débito, a Pagseguro dispõe de planos que permitem o recebimento do vale refeição.

Os empreendedores que desejarem incluir essa forma de pagamento deverão ter um CNPJ inscrito nas áreas de alimentação, refeição ou cultura e um CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) correspondente ao tipo de voucher que pretende aceitar. Além disso, deve-se entrar em contato com as operadoras para inscrição.

Entre seus grandes diferenciais, está a facilidade que ela oferece a pequenas empresas e empreendedores individuais, consolidando-se como uma opção prática e bastante viável para esse nicho de mercado.

Seu sistema descomplicado de contratação, taxas atraentes e possibilidade de contratação por pessoa física e jurídica faz da Pagseguro uma ótima alternativa para pequenos empresários. 

Outro aspecto positivo é a ausência de cobranças de anuidade e mensalidade, pois a Pagseguro atua com a venda de suas maquininhas de cartão.

Sendo assim, o estabelecimento realiza a compra de uma máquina e fica isento de taxas mensais de manutenção do equipamento.

A empresa ainda disponibiliza parceria com as principais operadoras de benefícios do país. As taxas cobradas variam de acordo com o contratos firmado por cada prestadora de serviço.

Getnet

A Getnet é uma marca pertencente ao banco Santander e atua com as principais bandeiras do mercado, tanto de cartões de crédito e débito quanto de benefícios.

Com soluções que se enquadram em diferentes portes de empresas, a Getnet disponibiliza parcerias com as maiores operadoras do mercado.

Stone

A Stone Pagamentos é uma fintech brasileira que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado.

Entre as soluções oferecidas estão as maquininhas D210N, que conta com a tecnologia Stone Pulse, que faz retentativas automáticas para você vender em qualquer condição de 3G ou Wi-Fi, e a S920, que permite a instalação de aplicativos como Calculadora, Relatórios Completos e Antecipação direto pela máquina. As duas aceitam as principais bandeiras do mercado, incluindo Voucher (Alimentação, Refeição e Outros).

A principal vantagem de escolher a Stone é o atendimento rápido e especializado para tirar dúvidas e ajudar o seu negócio, além de contar com time de Logística próprio, que faz entregas e manutenções em pouco tempo e sem custo adicional.

Se você deseja conhecer mais opções, vale ainda conferir as condições de empresas como a Vero e a Software Express antes de escolher sua maquininha.

A crescente popularização dos cartões fez com que o mercado se adaptasse às novas demandas, criando soluções capazes de atender a todos os perfis empresariais.

Investir em uma maquininha de cartão é um passo importante para as empresas ampliarem suas possibilidades comerciais, oferecendo comodidade e segurança a seus clientes.

E como você trabalha em seu estabelecimento? Aceitar vale refeição é um objetivo ou diferencial para você? Deixe um comentário em nosso post e compartilhe suas impressões. Críticas e sugestões são bem-vindas.